quinta-feira, 13 de agosto de 2020

quarta-feira, 12 de agosto de 2020

Mega-Sena acumula de novo e prêmio sobe para R$ 12,5 milhões

Sorteio premiou 16 com a quina e 1.545 com a quadra

Sorteio premiou 16 com a quina e 1.545 com a quadra

Marcelo Camargo/Agência Brasil
O prêmio da Mega-Sena acumulou nesta terça-feira (11) após ninguém cravar todas as seis dezenas reveladas pelo concurso 2.288 da loteria, o primeiro em comemoração à semana do Dia dos Pais.
Com isso, o próximo sorteio, marcado para acontecer na quinta-feira (13), promete pagar a bolada de R$ 12,5 milhões ao apostador que acertar a Sena.
Nesta terça, os números revelados pelo concurso realizado na cidade de São Paulo (SP), foram: 02 — 26 — 35 — 39 — 40 — 56.
Apesar de ninguém ter faturado o prêmio principal, 16 bilhetes acertaram a quina e têm o direito de receber R$ 81.484,20 cada. Outras 1.545 apostas cravaram a quadra e faturaram R$ 1.205,49 cada.
Fonte: R7

terça-feira, 11 de agosto de 2020

Anvisa autoriza mudanças em teste da vacina de Oxford

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou mudanças no protocolo do teste com a chamada “vacina de Oxford”, objeto de um dos ensaios clínicos em curso no Brasil e apontada por pesquisadores e pelo governo federal como uma das alternativas mais promissoras de prevenção da covid-19.
Fiocruz inaugura Unidade de Apoio ao Diagnóstico da Covid-19 no Rio
A alteração é a aplicação de uma dose de reforço, totalizando duas doses em vez de uma, como originalmente havia sido proposto. Essa parcela adicional de vacina será ministrada tanto para os que já haviam recebido a substância quanto para os voluntários que ainda receberão a vacina. No primeiro caso, o intervalo entre uma e outra será de quatro semanas.
A medida foi tomada a pedido dos responsáveis pela pesquisa. A mudança se deve ao fato de alguns estudos indicarem que a aplicação de duas doses pode produzir resultados mais efetivos na imunização.
Outra atualização foi a ampliação da faixa etária do grupo participante da pesquisa. Originalmente eram admitidas pessoas de 18 a 55 anos. A idade limite foi estendida para até 69 anos, incluindo uma faixas de idosos, o segmento que mais morre em função da covid-19.
A “vacina de Oxford” passou a ser conhecida popularmente por este apelido por se tratar de uma pesquisa capitaneada pela Universidade de Oxford, no Reino Unido, em parceria com o laboratório Astrazeneca.
O governo brasileiro celebrou um acordo com os agentes responsáveis para que o Brasil tenha preferência na aquisição de insumos e da transferência de tecnologia. O acerto inclui a pré-compra de insumos para 30 milhões de doses em dezembro e o repasse de tecnologia para a fabricação no país de mais 70 milhões de doses ao longo do ano de 2021.
A produção ficará a cargo da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), órgão vinculado ao Ministério da Saúde.
Na semana passada, o governo federal editou Medida Provisória alocando R$ 1,99 bilhão em recursos para o custeio da aquisição dos insumos e transferência de tecnologia da vacina.

A vacina

Desenvolvida pela Universidade de Oxford, a vacina foi elaborada através da plataforma tecnológica de vírus não replicante (a partir do adenovírus de chimpanzé, obtém-se um adenovírus geneticamente modificado, por meio da inserção do gene que codifica a proteína S do vírus SARS-COV-2, do novo coronavírus). De acordo com o governo, embora seja baseada em uma nova tecnologia, esta plataforma já foi testada anteriormente para outras doenças, como, por exemplo, nos surtos de ebola e Mers (síndrome respiratória do Oriente Médio causada por outro tipo de coronavírus) e é semelhante a outras plataformas da Bio-Manguinhos/Fiocruz, o que facilita a sua implantação em tempo reduzido. A vacina está na Fase 3 dos ensaios clínicos, que é a última etapa de testes em seres humanos para determinar a segurança e eficácia.
Edição: Aline Leal
Fonte: EBC

segunda-feira, 10 de agosto de 2020

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO / COVID-19 Parnaíba - Pi 10/08/2020

CORONAVÍRUS: Parnaíba sobe para 5.742 casos confirmados , 121 óbitos e 4.378 recuperados.






Queimadas prejudicam o fornecimento de energia elétrica


O segundo semestre no estado do Piauí é característico pelo aumento dos focos de queimadas, agravado pelo período mais quente, o conhecido B-R-O BRÓ. As queimadas podem causar interrupções no fornecimento de energia, trazendo transtornos para a população e para os serviços essenciais, ainda mais imprescindíveis nesse período de pandemia do coronavírus.
Em 2020, o Corpo de Bombeiros já registra um aumento nos números desde o primeiro semestre, comparados a 2019. “O período de estiagem mal começou e, no entanto, os casos de queimadas em vegetação já aumentaram bastante. Já superou o ano de 2019. O Corpo de Bombeiros atendeu até junho 122 ocorrências, sendo que em 2019, no mesmo período, atendemos 92 ocorrências. Essa situação é ainda mais crítica ao pensarmos que estamos no meio de uma pandemia. As queimadas liberam resíduos que afetam também a saúde das pessoas”, conta a Major Nájra Nunes, Relações Públicas do Corpo de Bombeiros.
Durante os primeiros seis meses de 2020, a Equatorial Piauí já registrou 214 ocorrências próximo a rede elétrica, afetando quase 9.000 clientes. “Quando ocorrem queimadas próximo a rede, o calor danifica as estruturas e cabos condutores, prejudicando o fornecimento de energia para os clientes da região. Inclusive, o fogo pode atingir vários postes e muitos metros de rede, fazendo com que o serviço para recompor a estrutura demande um tempo considerável. Ressaltamos ainda que além dos prejuízos causados, dependendo da circunstância, a prática de queimada pode ser configurada crime”, afirma Abraão Menezes, Executivo de Estudos Operacionais da Equatorial Piauí.
Em casos de incêndios próximos a rede elétrica, além do Corpo de Bombeiros, deve ser acionada a Equatorial. “Quando é princípio de incêndio, as pessoas ainda podem atuar jogando água, usando abafadores. No caso que tiver atingido uma rede elétrica energizada, não deve haver aproximação e o Corpo de Bombeiros deve ser chamado imediatamente, por meio do número 193. E a Equatorial deve ser informada também para tomar as medidas relativas à distribuição de energia”, ressalta a Major Nájra Nunes.
Confira algumas dicas de como evitar queimadas e esses riscos com a rede elétrica:

– Evite acender fogueiras, principalmente próximo a rede elétrica;
– Não jogue pontas de cigarro acesas às margens de rodovias ou próximo a qualquer tipo de vegetação;
– Apague com água as cinzas de fogueiras para evitar que o vento leve as brasas para as matas e não coloque fogo em terrenos baldios ou lixões;
– Realizar os aceiros para a segurança da área – quando em período de estiagem ou com a queimada programada. Evita-se assim queimadas descontroladas ou incêndios.
Fonte: Ascom

Após evento com Bolsonaro, senador Ciro Nogueira testa positivo para Covid-19

O senador Ciro Nogueira, presidente nacional do Progressistas, confirmou no início da manhã desta segunda-feira (10/08) que testou positivo para o novo coronavírus.

Ele afirmou que não apresenta sintomas e que está em isolamento.
"Vou permanecer em quarentena até que os médicos me deem alta", diz o senador.
Na mensagem publicada em seus perfis nas redes sociais, Ciro ressalta que "é um momento em que todos devemos nos proteger ao máximo e, principalmente, confiar em Deus".
"Sigo trabalhando pelo nosso Piauí", completa.

Caixa deposita nesta segunda FGTS emergencial para nascidos em julho

A Caixa Econômica Federal deposita nesta segunda-feira (10) o FGTS emergencial para os nascidos em julho. 
Saque máximo é de R$ 1.045
O dinheiro será depositado em conta poupança digital e poderá ser usado pelo aplicativo Caixa Tem para o pagamento de contas, boletos e compras. 
Quem preferir sacar o valor em dinheiro precisa esperar até o dia 17 de outubro. A Caixa montou dois calendários para cada mês de aniversário para evitar aglomerações nas agências bancárias. 
Cada beneficiário pode receber até R$ 1.045 e o calendário foi definido de acordo com o mês de aniversário do beneficiário. A iniciativa do governo federal é uma forma de responder aos impactos econômicos provocados pela pandemia de coronavírus.
Como consultar valor do depósito

domingo, 9 de agosto de 2020

Ministro Dias Toffoli é internado em hospital de Brasília

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Dias Toffoli, foi internado neste domingo (9) em um hospital particular de Brasília com um quadro de pneumonite alérgica.
Segundo nota divulgada pela assessoria do magistrado, ele foi submetido a um teste de covid-19, mas o resultado foi negativo.
Toffoli continuará despachando do hospital

Toffoli continuará despachando do hospital

Rosinei Coutinho/SCO/STF - 06.08.2020
Toffoli permanecerá no Hospital DF Star para acompanhamento e despachará normalmente durante a internação, de acordo com o comunicado.
A pneumonite é uma inflamação dentro e ao redor dos alvéolos do pulmão e dos bronquíolos causada por exposição e inalação de poeira orgânica ou de substâncias químicas.
Trata-se de uma hipersensibilidade dos pulmões que tem como característica provocar tosse, febre, calafrios e falta de ar algumas horas após o contato com a substância.
Normalmente, o tratamento é feito com medicamentos corticosteroides, que reduzem a inflamação.
Esta é a terceira vez em menos de três meses que o presidente do STF é internado.
No fim de maio, ele passou por uma cirurgia para a retirada de um abscesso. No mês passado, o ministro teve um acidente doméstico, bateu a cabeça e precisou também ser levado ao mesmo hospital.
Toffoli passa o comando do STF ao ministro Luz Fux no dia 10 de setembro.
ASCOM/STF

Comunidades Céu, São José, Boa Vista e Alto do Batista recebem mutirão de testes do Covid-19

Na tarde desta sexta-feira (07), o mutirão de testes do Covid-19 foi realizado na comunidade Alto do Batista na Escola Municipal José de Ribamar de Lira e atendeu também a população da comunidades vizinhas do Céu, São José e Boa Vista, situadas no Bairro Ilha Grande de Santa Isabel. A busca ativa contra a doença foi requerida pelo vereador Carlson Pessoa (DEM) ao prefeito Mão Santa (DEM) e a secretária de Saúde, Rejane Moreira.
Os líderes das comunidades, Antônia e Erisvelton Lira, agradeceram por este sistema de detecção e tratamento precoce que tem salvado vidas em Parnaíba.

Panificadora Nossa Senhora de Fátima - Tudo para sua casa com entrega grátis

Resultado de imagem para blogdopessoa panificadora nossa senhora de fatima


Os melhores pães, bolos e salgados para você em nossa padaria.



Produtos para deixar sua vida mais saudável, venha conferir.

Confira nossas novidades onde você encontra tudo em gêneros 

alimentícios, limpeza, frios, bebidas e muito mais. Av. Dr. João 

Silva Filho Bairro Piauí. Fone (86) 3323 1841. Abrimos nos domingos e feriados.


Conheça também a  Padaria Nossa Senhora de Fátima.

Pães, bolos, salgados, refrigerantes, iogurtes, leite Longá, 

café, manteiga, margarina e muito mais.


Teremos o maior prazer em atender diariamente de 6hr às 

10 horas da manhã e de 14hr às 19 horas. Padaria Nossa 

Senhora de Fátima

sábado, 8 de agosto de 2020

Máscaras transparentes desenvolvidas na UFPI passam por testes da Anvisa

Fotos: UFPI
As máscaras transparentes, desenvolvidas por pesquisadores do Projeto de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PDI), que inclui o Hospital de Campanha Estadual (HCE), estão sendo testadas conforme os padrões da Anvisa.  
Devido à pandemia do coronavírus, tornou-se obrigatório o uso de máscaras para reduzir a possibilidade de contaminação. No entanto, as máscaras opacas impossibilitam a leitura labial, fator importante na comunicação, principalmente para as pessoas que têm algum tipo de deficiência auditiva.   
“Estamos apresentando a máscara translúcida que permite leitura labial. É uma máscara ergonômica, facilita a usabilidade, não machuca e sua principal função é permitir a comunicação através da leitura labial. É um projeto desenvolvido na universidade que está aplicado aos projetos de pesquisa do Hospital de Campanha Estadual, por isso temos tido o empenho de fazer com que a máscara seja testada dentro dos conceitos que a Anvisa exige, para a sua utilização no combate a Covid-19", disse afirmou o Prof. Dr. Fábio Rocha, responsável pelo estudo. 
O Ministério Público do Trabalho (MPT) apoiou financeiramente a fabricação de 500 máscaras que serão destinadas aos professores da UFPI e aos alunos do curso de Libras. Além disso, mais máscaras serão fabricadas para uso hospitalar. O estudo está na fase de testagem do último protótipo na Universidade Federal do Delta do Parnaíba (UFDPar) e apenas deverá ter acréscimos estéticos. 
“Desenvolvemos o nosso último protótipo buscando algumas funcionalidades para que fosse permitido a leitura labial de qualquer ângulo. O filtro foi deslocado para baixo, assim, conseguimos uma maior proteção. Além de ser um filtro de baixo custo, são discos de algodão, o que deixa a máscara economicamente mais acessível para todos”, explicou Fábio Rocha. 
O coordenador do Projeto de PDI, Prof. Dr. Joel Coelho Rodrigues, considera que as máscaras são fundamentais para humanizar o contato interpessoal de pessoas com necessidades especiais.
“Este estudo representa uma grande contribuição da Universidade Federal do Piauí, através do Projeto de PDI que suporta o Hospital de Campanha Estadual, para construir máscaras inovadoras que podem humanizar o contato interpessoal e favorecer a comunicação, sobretudo, de forma determinante para pessoas com necessidades especiais em termos auditivos”, frisa Rodrigues.
O estudo também inclui alunos da UFPI, bolsistas do PDI, que estão contribuindo com o estudo e também se inserindo no meio da pesquisa científica. “Eu não conhecia diversos processos da fabricação que envolviam a máscara, como por exemplo, o desenvolvimento da máquina de termo vácuo. O projeto é muito importante e está agregando conhecimento para minha vida enquanto profissional, além de poder ajudar as pessoas nessa pandemia”, disse o Matheus Brandão, estudante de Engenharia Mecânica.  
 
Projeto de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PDI)  
O Hospital de Campanha Estadual (HCE) foi criado em caráter emergencial para tratar pacientes com Covid-19 no contexto de um Projeto de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PDI) liderado por pesquisadores da Universidade Federal do Piauí (UFPI) e Coordenado pelo Prof. Dr. Joel Coelho Rodrigues, docente do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Elétrica. 
Nesse contexto, estão sendo realizadas, no hospital, pesquisas científicas nas áreas de Medicina, Ciências da Computação, Engenharia Elétrica, Direito, Administração, Farmácia e Matemática. As pesquisas inovadoras contribuirão para o avanço da ciência e como base para o enfrentamento de futuras pandemias. A gestão técnica e administrativa do HCE, que integra o PDI, é uma parceria entre a UFPI, a Secretaria de Estado da Saúde (SESAPI) e a Fundação Cultural e de Fomento à Pesquisa, Ensino, Extensão e Inovação (FADEX).
redacao@cidadeverde.com

Senador anuncia construção de nova Avenida em Parnaíba


Elmano Férrer (Foto: Arquivo/ODIA)
Mais uma obra federal será realizada em Parnaíba, região Norte do Piauí. Trata-se de uma nova avenida na cidade litorânea, como informou o senador Elmano Férrer (Podemos) em entrevista exclusiva ao O DIA News 1° Edição.
A pista, orçada em cerca de R$ 17,2 milhões, será construída na margem oposta do Rio Igaraçu, com acesso através da nova ponte a ser erguida sob o mesmo rio. A execução das obras será com recursos do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR).
A verba para a construção da nova avenida seja empenhada pelo Governo Federal, mas caberá a Prefeitura Municipal de Parnaíba, sob a gestão do prefeito Mão Santa (Democratas), a administração das questões burocráticas da obra.
Por Nathalia Amaral/O Dia | Edição: Jornal da Parnaíba

sexta-feira, 7 de agosto de 2020

Covid-19: Rússia vai registrar 1ª vacina do mundo na quarta-feira

A Rússia anunciou nesta sexta-feira (7) que irá registrar oficialmente sua primeira vacina contra a covid-19 na próxima quarta-feira (12), segundo publicado no Sputnik News, agência de notícias russa. A informação foi divulgada pelo vice-ministro da Saúde, Oleg Gridnev. Caso isso seja concretizado, o país será o primeiro do mundo a ter uma vacina contra o novo coronavírus.
Vacina russa tem mesmo princípio da vacina de Oxford, com testes no Brasil

Vacina russa tem mesmo princípio da vacina de Oxford, com testes no Brasil

Arquivo/ Pixabay
"No momento, o último e terceiro estágio está em andamento. Os ensaios são extremamente importantes. Temos que entender que a vacina deve ser segura. Profissionais de saúde e idosos serão os primeiros a serem vacinados", disse afirmou Gridnev, segundo divulgado pelo Sputnik.
Segundo o ministro, a eficácia da vacina será julgada quando a população tiver desenvolvido imunidade.
A vacina russa contra a covid-19 está sendo desenvolvida pelo Instituto Gamaleya de Epidemiologia e Microbiologia, em Moscou, em conjunto com o Ministério da Defesa da Rússia.
Utiliza o mesmo prinícipo da vacina de Oxford, que passa por testes no Brasil. É composta por adenovírus, vírus que causa o resfriado comum, enfraquecido, e fragmentos do novo coronavírus, para estimular o corpo a produzir anticorpos. É uma tecnologia que nunca foi usada.
Segundo o Sputnik, os testes estão sendo feitos no Hospital Clínico Militar de Burdenko e na Universidade Médica Estatal Sechenov, em Moscou. Começaram em 18 de junho e incluíram 38 voluntários. Todos os participantes desenvolveram imunidade, segundo o Sputinik.
O governo russo entrou em contato com o governo do Paraná e com o Instituto Butantan para a venda a tecnologia, e ambos não descartaram a possibilidade de compra.
A velocidade do desenvolvimento e a falta de transparência levaram à desconfiança em relação ao imunizante. O Reino Unido, os EUA e o Canadá acusaram a Rússia de ter usador hackers para tentar roubar pesquisas sobre a vacina contra a covid-19.
A Rússia anunciou nesta sexta-feira (7) que irá registrar oficialmente sua primeira vacina contra a covid-19 na próxima quarta-feira (12), segundo publicado no Sputnik News, agência de notícias russa. A informação foi divulgada pelo vice-ministro da Saúde, Oleg Gridnev. Caso isso seja concretizado, o país será o primeiro do mundo a ter uma vacina contra o novo coronavírus. 
"No momento, o último e terceiro estágio está em andamento. Os ensaios são extremamente importantes. Temos que entender que a vacina deve ser segura. Profissionais de saúde e idosos serão os primeiros a serem vacinados", disse afirmou Gridnev, segundo divulgado pelo Sputnik.
Segundo o ministro, a eficácia da vacina será julgada quando a população tiver desenvolvido imunidade.
A vacina russa contra a covid-19 está sendo desenvolvida pelo Instituto Gamaleya de Epidemiologia e Microbiologia, em Moscou, em conjunto com o Ministério da Defesa da Rússia.
Utiliza o mesmo prinícipo da vacina de Oxford, que passa por testes no Brasil. É composta por adenovírus, vírus que causa o resfriado comum, enfraquecido, e fragmentos do novo coronavírus, para estimular o corpo a produzir anticorpos. É uma tecnologia que nunca foi usada.
Segundo o Sputnik, os testes estão sendo feitos no Hospital Clínico Militar de Burdenko e na Universidade Médica Estatal Sechenov, em Moscou. Começaram em 18 de junho e incluíram 38 voluntários. Todos os participantes desenvolveram imunidade, segundo o Sputinik.
O governo russo entrou em contato com o governo do Paraná e com o Instituto Butantan para a venda a tecnologia, e ambos não descartaram a possibilidade de compra.
A velocidade do desenvolvimento e a falta de transparência levaram à desconfiança em relação ao imunizante. O Reino Unido, os EUA e o Canadá acusaram a Rússia de ter usador hackers para tentar roubar pesquisas sobre a vacina contra a covid-19.

Sem dinheiro, Globo perde transmissão da Libertadores

A Globo assume. Não tem dinheiro e desiste da transmissão da Libertadores

A Globo assume. Não tem dinheiro e desiste da transmissão da Libertadores

Reprodução Sportv
São Paulo, Brasil
O drástico corte das verbas de publicidade do governo federal, mais a pandemia provocaram uma grave crise financeira na Globo.
E um dos efeitos colaterais mais drásticos está na revisão da transmissão de futebol pela emissora.
Como já acontece na Europa e nos Estados Unidos, o esporte se tornou caro demais para a tevê aberta. E migrou para os canais a cabo ou pay-per-view.
Ainda mais para a Globo, que está mergulhada na crise. A ponto de demitir mais de 100 profissionais, no ano passado. Acabar com contratos longos de suas estrelas.
Renato Aragão, Vera Fischer, Jô Soares, Miguel Falabella, Stênio Garcia, Zeca Camargo, Renato Aragão, Malu Mader, Otaviano Costa, Maria Fernanda Cândido, Leandro Hassun, Malvino Salvador, José de Abreu, Regina Duarte, Bruno Gagliasso, Bianca Bin, Rafa Brites, Lair Rennó, Aguinaldo Silva, Cininha de Paula...
Maitê Proença, Isabela Garcia, Pedro Cardoso, Luiz Fernando Guimarães, Pedro Paulo Rangel, Danielle Winits, Helena Ranaldi, Marcelo Anthony, Dalton Vigh, Barbara Paz, Luana Piovani, Bruna Marquezine, Zé Mayer, Thiago Abravanel e Reynaldo Giannechini, entre outros.
Em junho, a Globo já avisou a Fifa que não iria manter o pagamento combinado de nove parcelas de 90 milhões de dólares, cerca de R$ 478 milhões, cada. Em um total de 810 milhões de dólares, cerca de R$ 4,3 bilhões, pela Copa do Mundo do Qatar.
Presidente da Conmebol,Alejandro Domínguez  foi firme com a Globo

Presidente da Conmebol,Alejandro Domínguez foi firme com a Globo

Conmebol
E entrou na justiça brasileira para que a Fifa não desfaça o acordo. A Globo já pagou cinco parcelas, 450 milhões de dólares, cerca de R$ 2,3 bilhões. Mas perdeu o fôlego para seguir pagando. 
A questão será resolvida na Suíça.
O grupo Disney pode herdar o direito de mostrar o Mundial de 2022 ao Brasil.
Depois, no mês passado, a escandalosa briga e rescisão da Globo com o Campeonato Carioca. Por causa da MP 948, que proporcionou ao Flamengo a transmissão de seus jogos como mandante, a emissora tenta se livrar na justiça dos estaduais do Rio de Janeiro de 2021, 2022, 2023 e 2024. 
E não pagar os combinados R$ 408 milhões.
A briga do início da semana era só com a Turner, pelo Brasileiro. A emissora carioca não aceita que a americana use a MP 948 e transmita, na tevê a cabo, os jogos dos clubes que patrocina, mesmo sendo visitantes, como prevê a Medida Provisória de Jair Bolsonaro.
O Flamengo já havia derrotado a Globo. E a emissora rescindiu com o Carioca

O Flamengo já havia derrotado a Globo. E a emissora rescindiu com o Carioca

Flamengo
Só pela transmissão, a Globo paga R$ 180 milhões por ano para a CBF. Com os contratos com os clubes, chega a R$ 600 milhões em gastos.
E ontem o canal da família Marinho anunciou.
O contrato de transmissão da Libertadores da América está rescindido.
Ele contemplava 2020, 2021 e 2022.
A Conmebol não aceitou reduzir o preço de 65 milhões de dólares, cerca de R$ 346 milhões.
A Globo insistiu usando a pandemia e a desvalorização do real, em relação ao dólar, como desculpa. O contrato foi firmado quando o dólar estava a menos de R$ 4,00: R$ 3,98. A cotação atual é de R$ 5,33. O que chegou a um aumento de cerca de R$ 100 milhões por ano.
Por esse dinheiro, a Globo poderia só mostrar dois jogos diferentes na quarta-feira. E mais dois jogos no Sportv, na terça e na quarta-feira.
A emissora carioca também alegava a queda enorme no seu pay-per-view. A Globo perdeu mais de 400 mil assinantes do canal Premiere. Deixando de ganhar quase R$ 40 milhões mensais.
Há acordos sigilosos com anunciantes. Afinal, foram quatro meses de paralização por conta da pandemia. Ambev, Casas Bahia, Chevrolet, Hypera Pharma, Itaú e Vivo pagaram R$ 1,8 bilhão pelo futebol em 2020. Redução, extensão para 2021, assuntos que o mercado publicitário garante estar ocorrendo para compensar 120 dias sem o esporte.
Em 2019, a Turner rompeu o monopólio no Brasileiro. Duro golpe para a Globo

Em 2019, a Turner rompeu o monopólio no Brasileiro. Duro golpe para a Globo

Turner
Além disso, o bilionário Facebook virou um sério adversário para a Globo, nos direitos de transmissão da Libertadores.
O Youtube e a Amazon se movimentam também em direção ao futebol
"Nesse contexto, e tendo em vista a suspensão daquela competição por vários meses, a empresa tentou renegociar com a Conmebol o contrato da Libertadores, válido até 2022, mas infelizmente não houve acordo. Assim, não restou alternativa à Globo a não ser rescindir o contrato", diz a carta enviada para a Globo para a Conmebol.
A Conmebol não se afetou.
Duas empresas, a IMG e a Perform decidiram assumir a Libertadores e a Copa Sul-Americana por 350 milhões de dólares, cerca de R$ 1,8 bilhão.
A empresa de streaming DAZN desistiu de transmitir a Copa Sul-Americana e a Recopa, por conta da crise de assinantes. Devolveu os direitos e se livrará de pagar 91 milhões de dólares, cerca de R$ 483 milhões, até 2022.
Para manter as aparências, a Globo divulga que ainda está interessada na Libertadores.
"Como principal competição de clubes das Américas, a Libertadores continua sendo importante para a Globo. No entanto, para que sua transmissão seja viável e satisfatória para todas as partes envolvidas, ela precisa se adequar à nova realidade mundial dos direitos esportivos e à situação econômica vivida pelo país."
Só que a cúpula global sabe de duas verdades.
A primeira é que a Conmebol tem outros interessados e não precisa 'se adequar' à crise financeira que a emissora carioca mergulhou.
E a segunda é que, entre sobreviver ou transmitir futebol sem lucro, a opção óbvia está na readequação à nova realidade econômica que a Globo vive.
Não há dinheiro para cumprir o acordo feito pela Libertadores.
O monopólio...
A farra da Globo, no futebol, acabou...

quarta-feira, 5 de agosto de 2020

segunda-feira, 3 de agosto de 2020

Covid 19 - Garis pedem identificação vermelha e desinfecção de lixo onde moram pessoas infectadas


HERÓIS ANÔNIMOS

Expostos ao coronavírus, garis trabalham com medo: "Tem muito lixo contaminado".

Serviço prestado pelos trabalhadores da coleta de lixo se torna ainda mais essencial em meio ao combate à covid 19.

Edição: Blog do Pessoa

domingo, 2 de agosto de 2020

Marcos Pontes será voluntário de testes de medicamento contra covid-19

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Pontes, disse hoje que será voluntário dos testes brasileiros da nitazoxanida no combate à covid-19. Assim como a cloroquina e a ivermectina, o medicamento é um dos que são apontados como tendo possível eficácia no combate à doença causada pelo novo coronavírus. 
Marcos Pontes diz que governo testa remédio “secreto” contra a ...
Pontes anunciou ontem que teve um diagnóstico positivo para a covid-19, mesmo dia em que a primeira-dama Michelle Bolsonaro também teve um teste positivo para a doença. Ele se tornou o quinto ministro do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) a ser contaminado pelo coronavírus.

"Bom dia! Serei um dos voluntários dos testes da nitazoxanida em combate à covid-19!", publicou hoje o ministro no Facebook. Antes de Pontes, em março, o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e o titular do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), general Augusto Heleno, tiveram diagnósticos positivos e se recuperaram da doença.

Mais recentemente, o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, e o titular do MEC (Ministério da Educação), Milton Ribeiro, também confirmaram o contágio pelo coronavírus, sendo que o último chegou a ficar internado por dois dias e teve alta na última segunda-feira (27). 

Já o presidente confirmou que tinha sido contaminado pelo coronavírus no último dia 7. No sábado (25), Bolsonaro anunciou que estava curado da covid-19 e um novo teste havia dado negativo. Ontem, ele fez sua primeira viagem após o período de isolamento social.
Edição: Veja PHB com informações do UOL

CORONAVÍRUS: Boletim Epidemiológico 01/08: Parnaíba-PI

CORONAVÍRUS: Parnaíba sobe para 5.363 casos confirmados ,113 óbitos e 2.091 recuperados.